Home > Genómica na investigação florestal
Genómica na investigação florestal
A Genoinseq é parceira ativa na genómica para a investigação florestal, com a criação de recursos genómicos, a transcriptómica para estudo de expressão génica e caracterização de microbiomas.

A Genoinseq, Unidade de sequenciação Avançada do Biocant, tem desde o início produzido dados genómicos para a investigação florestal. A Unidade participou na criação de vários recursos genómicos, os mais emblemáticos o projeto de sequenciação do transcriptoma do sobreiro (Leal et al., 2014) e mais tarde a sequenciação do genoma do sobreiro (Ramos et al., 2018), até à sequenciação de genomas de fungos e bactérias (Leal et al., 2021, Margesin et al., 2018).

Por outro lado, a sua atividade na área da transcritptómica tem gerado informação para identificar quais os genes expressos em determinadas doenças de plantas, por exemplo o processo de infeção do pinheiro pelo nematode-da-madeira-do-pinheiro (Santos et al., 2012, Figueiredo et al., 2013).

O reconhecimento da importância das comunidades microbianas associadas às plantas, com o conceito de planta como um holobionte, levou ao estudo de diversas comunidades epífitas, endófitas e da rizosfera, permitindo identificar os microrganismos presentes, por exemplo bactérias e fungos, estudar a sua interação com a planta e o seu papel no aparecimento de doenças (Pinho et al., 2020).


Facebook LinkedIn Twitter © 2022 Genoinseq . mapa do site powered by Digitalwind | webdesign by Walk